Momentos no campo de Alveringem, Bélgica

Estamos em 2020! 

A rotina não é algo desagradável para mim, mas fazer uma pausa é algo que o corpo e a mente pedem. A pausa foi em Alveringem, uma pequena aldeia no Oeste da Bélgica, próximo ao mar e não muito distante da fronteira com a França.

IMG_20191230_084440804_HDR.jpg
Amanhecer em Alveringem

E esta pausa foi bem diferente da habitual, quase uma volta ao passado já muito distante, só possível de acreditar que vivi porque há registro em foto. Foi assim que relembrei o meu bezerro da infância, quando eu tinha apenas 3 anos de idade, em terras baianas. Voltei a ter algum contato com animais domésticos que fizeram parte da minha juventude, mas que devido a traumas mal resolvidos sofri décadas de total afastamento.

IMG_20191230_125931882_HDR.jpg
Eu tive um bezerro aos 3 anos de idade
IMG_20191230_122326204_HDR.jpg
Dois simpáticos vizinhos

O ambiente foi ideal para concluir a leitura de dois livros com muitas páginas, que foram a tempo para a minha lista de 2019. Em breve, falarei deles.

Num todo, as férias foram passadas na calma do campo com escapadelas para conhecer cidades belgas e francesas que estão próximas a Alveringem, e reverenciar jovens heróis da Primeira Guerra Mundial.

O primeiro dia de 2020 nasceu sob forte nevoeiro. Capaz de reproduzir belas imagens, mas de difícil relação pessoal.

IMG_20200101_084409926.jpg
Alveringem às 8:30hs da manhã

É isso, o blog voltou! 🙂

16 comentários sobre “Momentos no campo de Alveringem, Bélgica

  1. Bonita viagem. A física e a mental. Aproveitando, li isto sobre Clarice Lispector: “Após retornar de uma viagem ao Egito, uma amiga lhe perguntou, de brincadeira: ‘Você decifrou o enigma da pirâmide?’ ‘Não’, foi a resposta séria da escritora, que concluiu logo depois: ‘Mas nem ela me decifrou'”. ( Labirinto da Palavra, Claudia Lage)

    Curtido por 3 pessoas

  2. É isto mesmo, às vezes criamos histórias e sítios pequenos e inesperados. É nesses sítios que temos mais tempo para nós, para os outros, para a paisagem, para tudo. Um desejo de um ano fantástico, Silvana 🙂

    Curtido por 3 pessoas

    • Verdade! Encontrei muitas histórias, muitas de um passado triste. E estava falando isso em casa, um lugar com tanta história a volta, e por mais que a gente leia sobre, nunca vamos conhecê-la na totalidade, e jamais saberemos o que os envolvidos sentiram e sofreram.
      Visitei um pequeno cemitério com portugueses da 1a Guerra Mundial. Foi muito emocionante.
      Eu não imaginava que seria difícil retornar ao ritmo da cidade. Já são 3 dias tentando. Amanhã tem que ser no empurrão. Rsrs
      Um fantástico 2020 para vc também, Miguel!

      Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s