Ermida, uma pacata aldeia

A aldeia Ermida está localizada no Parque Nacional Peneda-Gêres (Portugal), rodeada de natureza, cascatas e pastos. Para se chegar até a aldeia é preciso percorrer as curvas estreitas da serra com cautela, pois também pode se deparar com um pequeno rebanho de ovelhas.

Já bem próximo de se chegar à aldeia avista-se ao longo da estrada pequenas cachoeiras. É lindo e reconfortante. 

O mais interessante é que essa aldeia portuguesa vive em regime comunitário. O povo reúne-se para decidir os problemas da pequena aldeia, bem como juntos revivem tradições antigas como a pastorícia. Cada família contribui para a limpeza dos caminhos por onde passa o gado. O miradouro foi construído graças a contribuição dos moradores. 

Caminhei numa manhã  por suas ruas estreitas ainda com marcas no chão da passagem de algum gado e observei a existência de pouca população e avistei apenas 3 crianças, de uma das casas ouvia-se o som de uma rádio portuguesa. Também avistei alguns espigueiros em pedra que eram utilizados para secar o milho. Não há mercado, nem restaurante, nem padaria. Algum comércio só a cerca de 4 km. Assim é a pacata aldeia de Ermida.

espigueiro
espigueiro

Aqui o curto vídeo que fiz…

Até ao próximo post!

28 comentários sobre “Ermida, uma pacata aldeia

    • Chegou-se a esta aldeia procurando algum lugar para hospedar no Parque Nacional Peneda-Gêres. Foi mesmo uma garimpagem.
      A Itália tem lugares belissimos para descanso e longe do turismo desefreando. Acrescentaria a região de Umbria.
      Bom final de semana para você também! Abraço.

      Curtido por 1 pessoa

  1. Conheço muito bem esse local. Costumava frequenta-lo, e tudo o que rodeia.
    Pequena curiosidade, não sentiu medo na estrada de subida à Ermida? É que a paisagem é única mas se olhamos cá para baixo em algum lugares da estrada dá vertigens.
    Um beijinho Silvana. Bom fim de semana.

    Curtido por 1 pessoa

    • Estive sempre na condução do carro, então não dava para olhar lá para baixo. Numa noite, os filhos avistaram um foco de incêndio no alto da serra, e senti medo, tb pensei que poderia ter acontecido durante a subida à pé pela Serra Amarela.
      Um bejinho tb, Irina e bom fim de semana tb.

      Curtido por 1 pessoa

  2. Fotos belíssimas, parabéns.
    Olhando detidamente para as fotos percebi que as paisagens retratadas se parecem muito com a natureza da cidade onde moro.
    As vezes precisamos ver o quanto um lugar é lindo para percebermos que moramos igualmente em um lugar lindo.
    Obrigado.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s