3 meses de Antuérpia na minha vida

O último trimestre de 2018 estive a fazer o terceiro módulo (intensivo) de holandês em Antuérpia.

As aulas começavam às 9hs e terminavam às 12:30hs, durante 3 dias na semana. Foram 3 meses de exigência mental e física.

Para chegar à Universidade de Antuérpia, eu fazia 15 min de bicicleta, 35 min de trem e 20 min à pé. Quando chegava à estação central de Antuérpia, o meu olhar era para a bela fachada interior da estação. Um dia esteve um belo dia de sol e tirei esta foto.

IMG_20181108_085044508_HDR.jpg

Para retornar à casa, o mesmo itinerário. O que valia eram paisagens como foto abaixo para me dar coragem e força.

IMG_20181011_130838995_BURST000_COVER.jpg

Chegou Dezembro. Em uma das manhã do início de Dezembro estava este tradicional papai Noel que fazia a diversão dos turistas.

IMG_20181206_084722831.jpg

Resolvi que não farei mais cursos. Tentarei criar o meu próprio método de estudo, priorizado no ouvir e falar. Aceito sugestões! 😉

Até ao próximo post! 😉

Antuérpia = Diversidade

Eu estou bem atrasada com os meus posts. Há ainda muito que contar sobre minhas vivências e descobertas.
E por falar em descoberta… Já estou a viver 3 anos na Bélgica, completos no fim de Agosto. No entanto, a poucos meses é que descobri o centro de Antuérpia, apesar de morar não muito longe. Antecipo que para ir até lá de carro, uma boa dose de paciência é necessária, devido ao tráfego intenso de caminhões de várias partes da Europa.
Passado o obstáculo do trânsito, eis que fico maravilhada, porque além do charme da cidade, parece que o mundo resolveu dar o ar de sua graça por aquelas ruas, sejam as pessoas, sejam os restaurantes, sejam as lojas, sejam os museus, …
Se alguém me perguntar um nome para a cidade diria: diversidade. A diversidade circula pelas ruas de Antuérpia sem olhos críticos e sem pressa.
Desde esse “descobrir Antuérpia“, foram incontáveis as vezes que lá retornei, seja com os meus três preciosos amores ou com amigos do curso de holandês. Adoro sentir o ecletismo de Antuérpia, sem a pressão de pensamentos pré-estabelecidos. Saber que tentaram manchar esta liberdade com o terror foi um choque, porque Antuérpia abraça a todos. Antuérpia é vida !

Vem comigo descobrir um pouco de Antuérpia em fotos !

IMG_20170408_163416010
Grote Markt de Antuérpia
IMG_20170408_163405041_HDR
Grote Markt de Antuérpia, Prefeitura
IMG_20170408_162828221.jpg
Catedral de Nossa Senhora
IMG_20170826_135823343
Museu Aan de Stroom – MAS
IMG_20170826_135840879_HDR
Proximidades do MAS com interessantes restaurantes
IMG_20170826_135847020_HDR
Proximidades do MAS
IMG_20170826_135854280_HDR
Proximidades do MAS
IMG_20170826_140512741_HDR
Proximidades do MAS
IMG_20170826_140531296
Proximidades do MAS
IMG_20170826_142108022
Vista a partir do terraço do MAS com a central nuclear à direita
IMG_20170826_142124841_HDR
Vista a partir do terraço do MAS
IMG_20170826_142238886_HDR
Vista a partir do terraço do MAS com o rio Scheldt à direita
IMG_20170826_142246493_HDR
Vista a partir do terraço do MAS
IMG_20170826_142525532
Vista a partir do terraço do MAS, destaque para a marina
IMG_20170826_142533401-EFFECTS
Vista a partir do terraço do MAS
IMG_20170826_142709525
Vista a partir do terraço do MAS
IMG_20170826_142729008
Vista a partir do terraço do MAS

Espero que tenham apreciado. Em breve, mais de Antuérpia.
Tot ziens ! 😉

 

 

Xadrez na Flandres II

IMG_1042
het 5de Stapjestoernooi, Brasschaat Jan-2016

Mais uma tarde de xadrez na Flandres trago ao blog. Desta vez em Brasschaat, na província da Antuérpia.
O xadrez nos clubes seguem o método Stap (Stappenmethode) que inicia no Stap 1 e vai até ao Stap 6. É como uma escola dentro do clube, onde há os livros correspondentes a cada Stap, e as crianças prestam um exame escrito para passar ao Stap seguinte, demonstrando se conseguiram as competências exigidas para seguir os estudos.
Neste fim de semana ocorreu um torneio que tem sido realizado anualmente, e está em sua 5ª versão, o 5de stapjestoernooi. Foram 7 partidas de 10 minutos entre crianças praticantes do Stap 1, Stap 2 e Stap 3. Jogaram entre si, e no final, é declarado o vencedor do torneio, bem como os 3 melhores classificados por cada Stap.
Como entusiasta do xadrez considero todas essas crianças vencedoras. Estiveram algumas horas, respeitosamente, a pensarem, a se concentrarem e a calcularem as melhores jogadas.
Como mãe estou orgulhosa e radiante! Ano passado, o meu filho mais velho foi o 2º colocado do Stap 3, em seu primeiro pódio em terras flamengas. Este ano foi a vez do meu filho mais novo ser o campeão do Stap 2.
Parabéns meus queridos filhos ! Vocês são a fonte da nossa inspiração, exemplos de coragem!

Tot ziens ! 😉