Aprender um idioma III

dehet

Continuando com a série de posts Aprender um idioma. A dica de hoje é para quem deseja aprender o neerlandês (holandês).

Durante a aprendizagem do idioma nos deparamos com uma situação que é comum a outros idiomas como o alemão, o sueco,… Saber se a palavra, no caso do neerlandês, é DE ou HET. Não há muitas regras para classificá-las, o jeito é mesmo decorar. Há mais palavras com DE, um esperançoso alívio.

Dependendo de onde eu esteja, posso usar o dicionário, mas também o site belga deofhet.be; ou ainda o aplicativo DE/HET (ver imagem acima). Digita-se a palavra que se quer saber, e pronto, aparece se ela é “de” ou “het”. Importante, para podermos bem escrever o adjetivo a um substantivo, por exemplo.

Fica aqui mais uma dica, desejando que contribua para o vosso conhecimento.

Tot ziens! 🙂

Aprender um idioma

Normalmente, quando escrevo tento evitar rever o texto muitas vezes, porque corro a eventualidade de entrar num loop de correções e mudanças de ideia que me deixarão com a sensação constante de inconclusivo. No entanto, com este post isso terá mesmo que acontecer, porque muito do que escreverei será um reflexo das minhas observações diárias, enfim da minha experiência e maturidade.
O tema deste post é aprender uma língua, que no caso é o neerlandês, mas que poderá ser útil para o aprendizado de qualquer idioma.
Ao dizer que aprender uma língua é difícil, já se torna um cliché. Passei a me perguntar como falar sobre este assunto e trazer alguma contribuição, saltando o cliché. Pensei…

Ser perseverante ! Atitude correta. Não dominamos, e por vezes, não compreendemos a nossa própria língua materna. Não sabemos o significado de muitas palavras que estão em nosso dicionário e nem a usamos. Imagina uma nova língua!

Um pouco todos os dias! Estar a viver no país da língua que se estuda é o ideal. Se essa possibilidade não for possível, então procurar ter algum contato diário com a língua é essencial. Assim, um filme, ouvir música, ler uma revista, um pequeno livro ou mesmo um livro infantil.

Usar a internet! Hoje são tantos os recursos disponíveis, mas é preciso ter alguma sensibilidade, para se escolher o que realmente interessa, e que tenha qualidade, que siga um método.

O tempo! Observo as pessoas a fazerem comparações sobre o seu nível de conhecimento. Compreendo que é uma atitude normal que temos, mas não se deve esquecer que cada pessoa tem o seu “time”, e que é decorrente do produto de sua experiência, realidade, disponibilidade, convivência e possibilidade. Não se vitimar, mas aceitar essa condição, e seguir.

Por tudo isso, pretendo trazer algumas soluções que possam ser convenientes para o seu aprendizado do neerlandês, mas que poderão também ser de utilidade para outras línguas. Poderemos trocar ideias e avaliá-las. Cada post deste tópico “neerlandês”, uma ferramenta. Um passo!

Tot ziens! 😉