Baú Aberto 21, blog do filho

Após uma pequena viagem a Malta. O Miau do Leão está de volta aos posts. Neste “Baú Aberto” vou divulgar aos amigos seguidores o mais novo blog de uma das minhas crias. 😊

Quem gostar de fotografia panorâmica este é o blog do meu filho: Panorama22
www.22panorama.wordpress.com

Obrigada! 🙂

 

After a short trip to Malta. O Miau do Leão is back to the posts. In this “Baú Aberto” I’m going to divulgate to my followers the newest blog of one of my children. 😊

For who likes panoramic photography, this is my son’s blog: Panorama 22

www.22panorama.wordpress.com

Thank you! 🙂

Baú Aberto 19 – férias

Chegou aquele momento do ano que é para recarregar a bateria com força para enfrentar o Outono e Inverno. Assim, o blog O Miau do Leão vai parar por algumas semanas. Não esquecerei de vocês! Responderei a comentários e farei comentários, sempre que possível. E andarei, e tirarei fotos, e farei filmes, para depois contar aqui as minhas aventuras, as minhas descobertas, o meu olhar, os meus sentimentos, … Ok?;)

Hum…curiosos para onde ? 😉 Vou deixar a dica em forma de música.

Nada melhor que uma boa música para nos abraçar,  … para nos curar. Assim é o efeito que essa música cantada pelo inesquecível Renato Russo faz em mim. Levanta, luta, a vida espera-te! Enfrenta-a! É a força da vida!

O vídeo é legendado. Por favor, ouça-a.

 

Muitos bons dias para todos vocês! Um abraço forte em cada um! [ ]

Até os posts com cenas das aventuras de férias! ;)*

Cigarettes After Sex

 

Voltamos de Hong Kong, em abril, com um compromisso na agenda para o mês de maio: ir ao show do Cigarettes After Sex.

IMG_20180520_205216270_LL.jpg

Essa banda do Texas formada em 2008 é uma das que selecionei para seguir no aplicativo Songkick. Ele avisa quando alguém selecionado fará show na Bélgica ou nos países que fazem limite com este país. O show em Bruxelas ficou para uma data não compatível. Sabe como é fã, não é? Fomos até ao Luxemburgo para o show, e aproveitamos um fim de semana com feriado na segunda-feira para também ficar passeando neste país.

IMG_20180520_213525187_HDR.jpg

O show foi tranquilo e arrepiante. Havia, em nossa frente, uma jovem fã francesa (cerca de 16 anos) que veio de Lille (França) com seus pais para ver este show. Ufa! Não somos só nós os malucos. 😊 No fim do show, o vocalista entregou a esta jovem, um papel que estava no chão com a lista das músicas em sequência para memória do vocalista. Vocês não imaginam a alegria dela e a satisfação de seus pais também. Ah, e eu fui chamada a atenção porque usava um self stick. :))) Eu tinha que aparecer de alguma forma, não é? :)))))

A seguir imagens e alguns filmes que estão no canal do Youtube O Miau do Leão. Alguns filmes ficaram curtos, pois foram transmissões ao vivo que fiz na rede social, uma experiência que ainda estou a me adaptar.

Quem conhece e gosta dos Cigarettes After Sex deixa um comentário, por favor. 😉

😉 Gostaram?

Baú Aberto 16

Estamos em clima de Mundial de Futebol aqui em casa. Torcemos por 3 seleções: Brasil, Portugal e Bélgica. O problema maior é quando se confrontam Brasil e Portugal. Ficamos sem motivação para torcer.

Só que o post de hoje não é sobre futebol. É sobre torcer.

Ontem, eu estive torcendo muito pelo meu filho mais velho, e eu estava confiante. Eu sou muito grata, porque tenho conseguido educar dois seres humanos, e penso que eles são melhores do que eu fui quando estudante.

Ontem, o meu filho de 15 anos fez, pela primeira vez, um exame oral de francês. Nós vivemos há quase (fim de Agosto) 4 anos na Bélgica, e quando ele entrou aqui na escola, os seus colegas de classe já vinham com 3 anos de avanço em francês. Neste sentido, a escola foi impecável e fez para ele e mais 2 colegas estrangeiros, um plano de recuperação para alcançar o nível atual dos colegas. Ele está terminando o 1º ano antes de ir para universidade. Faltam mais 2 anos. E ele tem muito talento para línguas e conseguiu não só alcançar os seus colegas de turma, como é o melhor aluno da sala em francês. Ele ainda estuda na escola, o holandês, o inglês e o alemão. Desculpem, eu sou uma mãe muito orgulhosa de meus filhos.

Então, ele soube que há uma tradição na Bélgica flamenga para o exame oral de francês. Os alunos apresentam-se para este exame oral bem vestidos por respeito ao professor avaliador e a esta avaliação. E, ele assim também seguiu a tradição. Ele vai de bicicleta à escola, como a grande maioria dos estudantes, mas fiz questão de levá-lo e buscá-lo de carro neste dia especial em sua vida. Ele é positivo e confiante, apesar de tímido. Bem diferente da mãe nestes aspectos. 😉

Claro, que não será a roupa que contará mais ou menos pontos para a avaliação, mas eu, particularmente, aprecio conhecer e participar dessas tradições dos tempos de estudante.

Segue uma foto publicada pela escola, e dá para ter ideia de como ele foi.

FB_IMG_1529665903230

🙂

Uma tarde a caminhar entre a natureza na Holanda

Quando escrevo sobre os meus passeios, viagens e visitas, tenho a intenção de inspirar, de trocar, de mostrar, de dar a conhecer…, e para mim funciona como uma terapia, no sentido de buscar conhecimento, de ocupar a mente, de fazer novas amizades, de registrar fatos da nossa vida,… E há sempre algo novo dentro do mesmo tema!

Ao escrever este post foi a essa conclusão que cheguei. Estes últimos dias estive em dois lugares que já estive antes, um deles já perdi a conta (Antuérpia). É impressionante como sempre há algo a se observar, a se descobrir, a se informar.

Nas quartas-feiras à tarde não há aulas na Bélgica (outros países europeus também), e esta veio na véspera de um feriado que por sua vez foi feita uma “ponte” com o fim de semana. A tarde estava bonita e quente. Não dá para resistir. 😊 E, assim fomos para Holanda, mais precisamente ao parque nacional De Loonse en Drunense Duinen, pela segunda vez na vida.

A primeira vez foi a cerca de um ano atrás, e eu falei (aqui). Naquele momento chegamos mais cedo, alugamos as bicicletas e fizemos a trilha destinada a elas. Ontem, já chegamos muito perto do término de funcionamento (18hs) da loja e restaurante; e assim fazia mais sentido fazer algum trecho da trilha à pé. Uma experiência diferente, que produziu novas imagens, novas recordações e sensações.

Pela sombra havia alguns mosquitos, mas nada que impedisse a diversão. Foram muitas fotos pessoais, mas não esqueci de vocês, meus amigos virtuais, e a seguir vem mais algumas imagens, e o primeiro filme que fiz deste parque natural. No post do ano passado, como tudo era novidade, e eu estava a pedalar, então não me foi possível filmar.

Depois do parque fomos para o hotel, e a seguir fomos jantar ao Eetcafé Kandinsky e caminhar um pouco em Waalwijk, Holanda. Como é de costume do blog vou mostrar os pratos. Como gosto de culinária sempre é uma inspiração para que eu tente repetir em casa, e espero que o mesmo aconteça convosco. Eu fui de hambúrguer com 2 tipos de queijos, batatas fritas de milho e acompanhei com cerveja trapista com leve sabor à caramelo. Os filhos foram de carne de porco super macia com molho saté, que eu pedi para provar aquele delicioso molho à base de amendoim. As sobremesas foram uma rabanada com sorvete de baunilha e speculoos em farofa; e a outra foi oreo com chocolate e sorvete de limão.

À seguir fomos para o hotel com a intenção de no dia seguinte ir ao parque Efteling, mas o clima mudou completamente, coisas desta região temperamental. 😊 Mudamos os planos e fomos caminhar pelas ruas centrais de Antuérpia, mas isso ficará para o próximo post. 😊 O parque ficará para breve.

IMG_20180509_164310413_HDR.jpg
IMG_20180509_164414943.jpg

IMG_20180509_165254885_HDR.jpg
IMG_20180509_170053837_HDR.jpg
IMG_20180509_171028221.jpg

 

IMG_20180509_172251443.jpg
Encontrei essa gracinha e não resisti 🙂

O vídeo que está no canal O Miau do Leão:

Até a continuação deste post! 🙂

 

Caril Crioulo de Atum

Eu faço essa receita a uns 16 anos. Aqui em casa somos todos fãs de caril (de frango, de lentilhas vermelhas, de grão de bico, de legumes, e este de atum). Acho que a descobri enquanto esperava ser atendida em alguma sala de espera, e devia estra lá algo como a revista Teleculinária (Portugal). Só sei que a descobri surpreendentemente saborosa. Eu costumo fazer a metade da receita abaixo.

IMG_20180227_122837431

Ingredientes:

4 latas de atum
2 ½ colheres (sopa) de pó de caril
3 colheres (sopa) de polpa de tomate
Vinagre quanto baste
2 cebolas grandes
3 dentes de alho
1 dl de óleo (eu uso azeite)
3 paus de canela
1 frasco de leite de coco
Açafrão, gengibre e sal quanto baste

Desfaça o pó de caril em vinagre e junte a polpa de tomate, o açafrão e o gengibre. Misture bem (deve ficar uma papa mole, mas não demasiado líquida).

Num tacho, leve as cebolas cortadas às rodelas a cozer com o óleo.

Abra as latas de atum e escorra o óleo.

Junte o atum e os paus de canela às cebolas e deixe refogar um pouco.

Adicione a papa de caril e envolva bem, cubra com o leite de coco. Tape o tacho e deixe cozer um pouco em lume brando.

Sirva acompanhado com arroz branco (uso basmati).

Espero que gostem. Bom apetite!

Tot ziens! 😉

Baú Aberto 6

Esse post é especial por 2 motivos.

O primeiro motivo é por ser o Baú 6, o meu número preferido.

O segundo motivo é que o blog está quase a alcançar os 400 seguidores. É um número pequeno comparado com outros blogs. No entanto, significa muito para mim que comecei em Outubro de 2014 como forma de me ajudar na integração à Bélgica.

Então, lembrei que nunca revelei a minha face aos meus queridos seguidores, e apenas 2 deles já conhecem a minha face de outras paragens. Eu não gosto muito de ser fotografada. Um dia, o meu filho mais novo, o Miguel, de 11 anos, tirou-me uma fotografia minha e do irmão, sem percebermos. Estávamos em Waterloo, Bélgica, Outubro de 2017. Quando cheguei à casa e fui organizar as fotos, é que vi a foto surpresa e, simplesmente, adoreiiiiiii. Ele pegou-nos em uma pose natural, e achei que ficou uma foto muito estilosa, com um ângulo interessante, os nossos olhares, enfim… parecia uma capa para cd. Rsrsrs O meu filho mais velho, o que está na foto, chama-se Raphael e tem 15 anos. Ambos são portugueses. Adoroooo estar em companhia deles. São tantas emoções! Rsrsrsrs  Ok, também vou revelar a minha idade…. Vou fazer a meio deste ano um upgrade para 5.0 Rsrsrs  E, o meu nome verdadeiro é Silvana (O Miau).

IMG_20171101_155502222

Já que eu achei que parecemos uma dupla de artista na foto, então escolhi uma música que gostaria de ter cantado com ele. Espero que gostem da música.

 

Tot ziens! 😉

Zola Jesus em Bruxelas

 

images
Zola Jesus foto do Google

Na semana passada o Miau do Leão foi à Bruxelas para assistir ao show de Zola Jesus no Beursschouwburg.
Encontrei uma uma noite fria em Bruxelas devido a um insistente vento que se fazia incomodar a todos. Uma Bruxelas parcialmente em obras, ainda em alerta devido a protestos, mas também uma Bruxelas já decorada para as festas de fim de ano e com animação de pequenos mercados de Natal espalhados um pouco pela cidade.
Chegamos um pouco cedo, e ainda deu tempo de apreciar o mercado de Natal próximo e beber um bom vinho quente. Foi a minha primeira experiência de concerto em Bruxelas. Confesso que estava ansiosa, e ainda tive que subir vários lances de escada até chegar ao último piso (ufa!), onde há um bar, uma esplanada com vista exterior, wc (0,40€) e a sala do concerto.Antes do concerto da Zola Jesus tivemos como abertura a apresentação de Devon Welsh, do Canadá. Eu não estava à espera, ele canta muito bem com acompanhamento musical ou não. Uma espetacular voz. Um visual simples, calça jeans preta e t-shirt branca. Não quis cantar no palco, desceu até nós, foi brilhante. Ele também faz apresentações em duo com Matthew Otto formando o Majical Cloudz. Estava muito próximo a nós e não quis incomodá-lo com fotos e filmagem. Foram o tempo todo pontuais e minutos depois entra a Zola Jesus, literalmente de gatas. A sala estava lotada com várias gerações e com um público eclético.
Zola Jesus é o seu nome artístico, criado por ela ainda na adolescência como forma de afastar colegas indesejáveis da escola. E, resultou! Seu verdadeiro nome é Nicole Hummel (1989), também conhecida como Nika Roza Danilova (herança russa). Ela é americana com ascendência russa. Sua música tem inspirações nos géneros industrial, gótico, dark wave entre outros. Ela estudou francês e filosofia na University of Wisconsin-Milwaukee.
Li entrevista que ela não se sente confortável em show ao vivo por lhe causar muita ansiedade e por ser muito tímida, e que somente faz shows por amor aos seus fãs.  Aliás, ela falou um pouco com a platéia, mas logo pediu desculpas, pois sente-se melhor a cantar do que a falar. O Show foi espetacular, imaginem se ela não fosse tímida! 🙂 Você pode conhecê-la mais em www.zolajesus.com

Fiquem com algumas imagens do show e alguns vídeos que também estão no canal O Miau do Leão, do YouTuBe.

IMG_20171127_195137758.jpg
Perto da Bolsa de Bruxelas

 

IMG_20171127_193250046.jpg
Apresentação na rua de grupo da Malásia

 

IMG_20171127_194222314
Vinho quente (2,50€) em copos ecológicos que devolvidos recebem 1€ de retorno
IMG_20171127_193515516.jpg
Beursschouwburg
IMG_20171127_201217170-EFFECTS
Vista a partir do local do espetáculo
IMG_20171127_201333571
Ao fundo prédio da Bolsa de Bruxelas
IMG_20171127_222348137
Zola Jesus no palco

IMG_20171127_223302636.jpg

 

 

 

 

 

Tot ziens! 😉

Dica para trabalhar e estudar na Europa II

Este é o segundo post que O Miau do Leão traz sobre este tema. Hoje trago mais 2 dicas. Se você não leu o primeiro post do tema, então aconselho a lê-lo antes deste. Você pode vê-lo aqui.

 
A primeira dica é o site: http://www.toplanguagejobs.ie/
Neste site há a possibilidade de você procurar emprego que necessite de conhecimento em português.

A segunda dica é o site: https://www.eurodicas.com.br/
Ele apresenta informações sobre alguns países da Europa. Como morar, como trabalhar, custo de vida, entre outras informações. Eu achei o site bastante interessante. Não posso verificar se as informações são realistas para todos os países que citam, mas quanto a Portugal, um dos países que já vivi, achei as informações realistas. Quanto aos outros países citados só estive como turista. Vale lembrar que Portugal pode ser o primeiro passo para se ir trabalhar para outro país, principalmente em algumas áreas como medicina, enfermagem, informática e algumas engenharias.

Espero que estas dicas sejam úteis para as vossas vidas. Se puderes diz-me o que tens achado dessas dicas nos comentários.

Tot ziens! 😉

 

 

 

7 dicas para estudar e trabalhar na Europa

Quando estive no Brasil, em Julho passado, notei que o Brasil estava pior do que eu lia nos jornais. E, que não foi algo que se deteriorizou da noite para o dia.
Conheci alguns jovens com muito talento e com paixão por sua profissão, mas com desejo de partir do Brasil. Uma crise em todas as áreas de funcionamento de um país e sem perspectiva de melhora aprofunda esta vontade. E, ainda mais, um círculo vicioso de corrupção e roubo, mas faz.
Por isso, resolvi escrever este post e criar uma área no blog O Miau do Leão para tentar ajudar. Desde já, explico que não vou arranjar emprego para você, quem me dera! Eu vou tentar encontrar algumas oportunidades na Europa, o resto do trabalho é seu.
O que seria “o resto do trabalho” ? Bem, a primeira dica é para que invista em educação, e em obter conhecimento. Como deve imaginar, o dominar o inglês (falar e escrever) é o primeiro passo. Você já domina o inglês? Então, busque aprender outros idiomas como o francês e o espanhol, ou se você tem em mente um país que desejaria viver, então comece a aprender o idioma deste país desejado ainda no Brasil.
A segunda dica é a construção do seu curriculum vitae. Pesquise na intenet, os modelos de currículo para Europa. Geralmente, não ultrapassar duas folhas. Invista também em especialização em sua área de formação. Um alto nível de profissionalismo é muito importante.
Você tem filhos e preocuapa-se com a adaptação deles em novo país? Não se preocupe. As crianças adaptam-se e aprendem o idioma mais rápido que um adulto.
Quando a formação de uma pessoa é realizada em outro continente, o seu diploma deverá passar por um processo de equivalência em uma universidade do país que você deseja ir viver. E, esse caminho caberá a você descobrir. Com uma possibilidade de emprego, é muito possível que o seu empregador ajude neste caminho.
Os possíveis caminhos que eu venha a apresentar aqui no blog, caberá a você checá-lo. Como? Enviando um email com carta de apresentação e seu currículo, em inglês. Pesquise o site da empresa! Muitas empresas fazem a entrevista via Skype, por exemplo. Então, este dado de contato deverá ser informado.
Nunca vá viver para outro país sem a certeza de um emprego já ao sair do Brasil, pois você poderá correr um forte risco de passar imensas dificuldades, risco de deportação, e até mesmo vir a cair em redes de traficantes.

Para começar já com sugestões, a primeira dica que vou dar é para aqueles que ainda estão a fazer graduação, para aqueles que pretendem fazer pós-graduação e doutorado. Visitem a página do Projeto Erasmus, procure saber se a sua universidade participa deste projeto. Segue o site com informações: Erasmus Mundus Brasil.

A segunda dica diz respeito a plataforma Linkedin. Cada vez mais tem surgido oportunidades de emprego nesta plataforma.

A terceira dica diz respeito a uma outra plataforma de emprego que está em português e opera em 27 países. Chama-se Neuvoo.

A quarta dica é a plataforma Monster, que também abrange uma lista considerável de países.

A quinta dica é o site IrishJobs, da Irlanda, que permite buscar empregos através de agências de recrutamento ou direto com o empregador.

A sexta dica também diz respeito à Irlanda: Recruit Ireland.

A sétima dica de procura de emprego é para Portugal. O site é Alerta Emprego.

Espero que estas dicas venham a ajudar.

Até a próxima!
O Miau