Poesia, o filme

Poesia (Poetry) é um filme coreano de 2010, vencedor de vários prêmios. Uma dica de filme que anotei de um comentário da Léo Campos, do blog Sementes ao Leo. Sim, eu tenho uma lista com sugestões dos meus leitores e dos blogs que sigo. 🙂

Poesia é um filme longo (2h 19m), mas que não foi cansativo para mim. Um filme sensível, que aborda um período da vida de uma senhora avó que buscava sentido para a sua vida através da poesia. A atriz desempenha esse papel muito bem. Estive sempre absorvida por aquela persistente e observadora senhora que buscava inspiração para escrever. Nem mesmo as preocupações causadas pelo neto ou a descoberta de um diagnóstico para Alzheimer faz essa introspectiva senhora desistir da poesia, matricula-se num curso de poesia e segue com seus exercícios de escrita.

O filme mostra um pouco da vida num subúrbio da Coreia do Sul, uma consulta em hospital naquele país, um adolescente que não se importa com a avó e algumas paisagens. Enfim, cenas do cotidiano tendo como foco a pessoa com tomadas de cenas que vem do longe, do redor, até captar a pessoa principal da trama.

Vamos ver o trailer?

Até ao próximo post! 😉

Coisas de pássaro, o curta metragem

Esse curta metragem da Pixar deve ser bastante conhecido, mas eu não me canso de vê-lo. É muito divertido, a trilha também ajuda a desenvolver a curta trama.

Empatia, inclusão, respeito, tolerância, discriminação,… Há tanto a se explorar neste curtíssimo curta.

Até ao próximo post! 😉

Piper, o curta-metragem

Um curta-metragem é uma ferramenta capaz de ajudar a desenvolver o senso crítico de uma criança. E alguns deles são capazes de manifestar a sensibilidade de um adulto.

É o caso de Piper, este passarinho com medo de sair do seu ninho, e seguir os maiores na busca de sua própria alimentação na praia.

Superar o medo é um grande desafio para uma criança, mas também para muitos de nós, os adultos. Transpor essa barreira pode ser divertido, é isso que Piper tenta transmitir. Aliás, uma tática que uso na vida é rir em situações que tenho medo e nas situações físicas difíceis de transpor.

Vamos ver Piper!

Até ao próximo post! 😉

Guardiões da Vida, o curta

O Oscar 2020 revelou 2 grandes vencedores, o filme coreano Parasita (que já falei aqui no blog) e o ator americano Joaquin Phoenix no filme Joker.

Phoenix é um ser humano vitorioso. Poucos possuem a coragem de utilizar a sua fama por causas sociais ou de ir preso por manifestar a sua preocupação pela natureza. Alertar sobre a ganância cega por lucros que faz esquecer os que virão depois de nós e que destrói sem qualquer respeito a nossa única casa e todos que nela habita, a Terra.

O ator com sua preocupação pelos efeitos da indústria de carnes e laticínios deu mais uma contribuição participando de uma curta metragem produzida por organizações não-governamentais (ONG), ‘Amazon Watch’ e ‘Extinction Rebellion’,para destacar o papel dos indígenas na proteção da floresta Amazónia. Assim é Guardiões da Vida (Guardians of Life) em 3min e 34seg.

Até ao próximo post! 😉

Os Fantásticos Livros Voadores do Sr. Morris Leesmore, o curta metragem

The fantastic flying books of Mr. Morris Leesmore foi o vencedor do Oscar para animação em 2012.

A história transmite uma relação entre literatura e cinema. A importância do ato de ler ganha vida nesse curta, e também é capaz de devolver a alegria de viver a alguém.

Vem conhecer o Sr. Morris Leesmore, que se transformará num mentor em magia dos livros.

Até ao próximo post! 😉

Parcialmente nublado, o curta metragem

A Pixar em Partly Cloudy mostra o trabalho conjunto entre uma nuvem e uma cegonha, que são encarregadas de levar os bebês aos seus respectivos pais. Do trabalho surge uma amizade sincera, capaz de aceitar seus defeitos e virtudes.

Um boa dica para as crianças e um divertimento para adultos.

Até ao próximo post! 😉